Inicio > Laicos > Textos y artículos > Viver com outros o carima marista

 

 


Para recibir noticias sobre el Capítulo en su correo, haga clic aquí y rellene el formulario

 


 



 


Emili Turú - La Valla: casa de la luz

Emili Turú
Superior general



 

FMSI

Conectarse

Hermanos maristas

RSS YouTube FaceBook Twitter

 

Foto de hoy

Australia: Parramatta Marists, Cerdon College y Marist College Kogarah donan ropa a Marist 180

Hermanos maristas - Archivo de fotos

Archivo de fotos

 

Últimas novedades

Archivo de novedades

 

Calendario marista

23 septiembre

San Pío de Pietralcina, Lino, Tecla

Calendario marista - septiembre

Viver com outros o carima marista

 

Viver uma experiência de comunhão
2012-10-28: Secretariado de Leigos Maristas

En otras lenguas
English  Español  Français  


Baixar

PDF (1 MB) - English | Español | Français | Português
WORD (40 MB) - English | Español | Français | Português

LaicosSe no passado pensávamos que necessitávamos de profetas que nos despertassem do letargo, hoje cremos que necessitamos é de comunidades que, em suas diversas formas ou expressões, sejam capazes de nos mostrar novos caminhos para uma nova terra do carisma marista.

A renovação institucional somente pode ser fruto da conversão pessoal unida a um processo comunitário em que se aprendem novos estilos de vida e de missão, novas dinâmicas de relação, novas expressões do carisma marista, a partir da comunhão dos Leigos e Irmãos.

Viver com outros o carisma marista é uma maneira de entender a nova relação de que nos fala o XXI Capítulo Geral. Cremos que é o Espírito quem convida a multiplicar na Igreja formas distintas de viver a comunhão e o mútuo enriquecimento entre religiosos, leigos e leigas. No fundo, essas expressões comunitárias põem em evidência nova maneira de viver como Igreja.


Ler, refletir e dialogar sobre algum dos textos propostos, em seguida:

  • “A pessoa humana se realiza na medida em que entra em relação de comunhão. A qualidade da comunicação condiciona a qualidade de nosso ser e de nossa vida. Precisamos uns dos outros”.
    À luz desta afirmação, reflete sobre tua experiência de comunhão e partilha.
  • O texto apresenta diferentes formas de viver a comunhão e o crescimento mútuo, entre religiosos, leigos e leigas.
    Estás vivendo alguma dessas formas? Analisa-a e descreve-a.
  • “Viver hoje o carisma marista significa abrir-nos, como em círculos concêntricos, a todas as pessoas que partilham conosco o espírito marista”.
    Que significado tu dás a essa expressão? Que tradução pode ter no grupo marista em que vives?
  • A Assembleia de Mendes pediu para “criar comunidades maristas de vida que evangelizem, visível e significativamente, por seu espírito de família e compromisso com a missão.”
    Pensa nas “comunidades maristas de vida” que conheces e dialoga sobre elas.
  • Muitos documentos do Instituto nos lembram que devemos ser “profetas da fraternidade”.
    Conversa sobre formas de expressar esse profetismo para nosso mundo e para a Igreja.

1902 visitas