8 de julho de 2023 MéXICO

Assembleia da Missão na Província do México Central

De 21 a 24 de junho, na cidade de Querétaro, foi realizada a Assembleia Provincial da Missão, na qual as maristas e os maristas da Província do México Central se reuniram para traçar de forma corresponsável o futuro da missão.

Um total de 172 delegadas e delegados: estudantes, professores, mães e pais de família, pessoal administrativo e de serviço, diretores, irmãos, conselheiros e membros das equipes provinciais representaram as vozes de vários milhares de maristas unidos por meio de reflexão comum e do diálogo.

Partindo de uma análise do contexto nacional e internacional nos diferentes âmbitos: político, econômico, social e cultural, reconhecemos as fortalezas atuais da missão marista na Província e também as áreas de oportunidade, para posteriormente delinear o futuro desejado. Este grande sonho provincial compreende realidades como:

  1. Uma educação inclusiva que visualiza a diferença como riqueza, baseada na escuta, no diálogo, na participação, no respeito e no cuidado, que gera comunidade.
  2. A reflexão crítica, tomada de consciência da realidade local e global e a vivência dos valores a partir da ação organizada para o cuidado das pessoas e da casa comum.
  3. O protagonismo juvenil e a solidariedade transformadora como eixo dos processos educativos.
  4. A construção de uma comunicação afetiva e efetiva.
  5. A prática dos ODS.
  6. A escuta de todas as comunidades para resolver os problemas entre todas e todos.
  7. Dar vida aos eixos transversais maristas: espiritualidade, solidariedade transformadora, participação e protagonismo de crianças e jovens, inclusão, cuidado da casa comum.

Da mesma forma, foi feita uma proposta para convidar a sociedade em geral a:

  • Formar uma equipe, trabalhando em comunidade, cooperando ativamente.
  • Ser vanguarda.
  • Contribuir a partir do dia a dia e de pequenas ações.

Como Provincia foi confirmada a opção de favorecer espaços intencionais de escuta e de diálogo que permitam a corresponsabilidade na missão marista. Depois desta bela experiência de Pentecostes, é tempo de sistematizar as ideias compartilhadas, devolver os frutos desta experiência às assembleias locais e propor em cada realidade provincial caminhos consistentes para o sonho que foi expresso.

ANTERIOR

Reunião dos membros da comissão de prepara�...

PRÓXIMO

Brasil Centro-Norte propõe discernimento sob...