9 de outubro de 2007 BRASIL

Eliminação do Trabalho Infantil

Em Brasília, O Instituto Marista de Solidariedade (IMS) desenvolve, em parceria com autoridades locais e a Organização Internacional do Trabalho, o Projeto Catavento. A iniciativa atende a 40 crianças, de 05 a 18 anos, em um trabalho que tem como objetivo principal conscientizar organizações do poder público, da sociedade e da comunidade sobre as graves conseqüências do trabalho infantil. A Associação Viver e o Centro Marista Circuito Jovem são as instituições parceiras no atendimento sócio-educativo das crianças e adolescentes.

O Projeto Catavento, recebeu no fim de setembro a visitas de integrantes do governo, empregadores e trabalhadores de Angola e Moçambique. Eles foram conhecer a experiência brasileira de combate à exploração infantil. Ao todo, 104 pessoas entre visitantes, educandos e educadores partilharam experiências, lições, metodologias, estratégias e boas práticas de prevenção e erradicação do trabalho infantil.

A ida ao Brasil deste grupo é fruto do Projeto Internacional para a Eliminação do Trabalho Infantil que o governo brasileiro financia nestes países. O objetivo é implementar as Convenções 138 e 182 propostas pela OIT, que tratam da idade mínima para se trabalhar e das piores formas de trabalho infantil, respectivamente.

ANTERIOR

Nas pegadas de Marcelino...

PRÓXIMO

Coordenar e animar a caminhada do MChFM, na E...