12 de outubro de 2012 ITáLIA

No entardecer da vida nos examinar-nos-ão sobre o amor

Nossa gratidão se eleva a Deus, ao Instituto, a nossas Províncias e Comunidades por por nos permitirem viver este momento de graça que é o curso para Irmãos da Terceira Idade. Somos vinte e quatro Irmãos vindos de onze Províncias diferentes: Compostela, Mediterrânea, Ibérica, Hermitage, Cruz do Sul, Norandina, América Central, Canadá, Santa Maria dos Andes, Rio Grande do Sul, Espanha Marianista. A equipe animadora é constituída pelos Irmãos Inocencio Martínez, José Feix e Anthony Hunt. A casa de Manziana nos ofereceu suas cômodas instalações e acolhedoras áreas verdes. Nossas idades oscilam entre sessenta e seis e oitenta e um anos.

Iniciamos nossas atividades no domingo, 8 de agosto e concluímos no domingo, sete de outubro. Prevemente, no início do curso, recebemos três comunicações que prepararam nosso ânimo, com informações práticas e reflexões motivadoras que nos ajudaram a chegar com um coração aberto.

Considerando o que vivemos, posso comentar que a temática foi proveitosa, o ritmo sossegado, a oração viva, as liturgias ricas, os expositores preparados, os passeios numerosos e atraentes, o clima benigno, o grupo maravilhoso… O que mais podemos desejar!

Eis uma síntese dos principias núcleos temáticos que abordamos: Terceira Idade: (psicologia e antropologia do Irmão idoso, cuidado com a saúde, os anciãos na Bíblia). Vida Religiosa: (oração, seguimento de Cristo, minha história sagrada de salvação). Espiritualidade Marista: (com Maria vamos para novas terras, Leigos e Irmãos, vivendo o mesmo carisma, água da  rocha).

As manhãs dos domingos dedicamos à partilha da vida de nossas Províncias. Concluíamos este tempo com um momento festivo e fraterno. Que gratificante é sentir-se estimulado pela qualidade da vitalidade marista de outras latitudes e confrontado por outras iniciativas apostólicas e estilos de vida!

A audiência papal ofereceu-nos a oportunidade de experimentar a universalidade da Igreja reunida na praça de São Pedro e de escutar a palavra do Papa. O contato com nosso Irmão Superior Geral e três Conselheiros Gerais nos estimulou e atualizou nossa visão do Instituto. Um momento particularmente interpelador foi a semana que passamos em Hermitage, recuperando nossa memória histórica e percorrendo os lugares onde naceu nosso Instituto. Quão generoso foi o Espírito ao presentear-nos com a pessoa de Marcelino e de nossos primeiros Irmãos como fundadores!

Foi uma magnífica oportunidade para contemplar as pegadas de Deus em nossa história, para agradecer-lhe por sua amorosa providência, para assumir construtivamente tropeços e vulnerabilidades, para escutar novos chamados. Sabemos que somos bastante limitados, porém, mesmo assim desejamos assumir juntos as respostas de fidelidade creativa que os novos tempos nos pedem. Queremos continuar buscando o rosto de nosso bom Pai Deus, queremos viver os poucos ou muitos anos que ainda nos restam com vocação de arco-íris. Pedimos a Maria e a Marcelino que nos deem o presente de aproximarmo-nos ao ponto ômega, aquele do grande encontro que transformará o tempo em eternidade, com olhos cheios de futuro.

____________________
Ir. Carlos Martínez Lavín

ANTERIOR

Solidariedade, Educação e Desenvolvimento...

PRÓXIMO

Redescobrindo a história...