24 de setembro de 2022 NOVA CALEDôNIA

Presença marista na Nova Caledônia

Os Marista já têm uma ligação muito longa com a Nova Caledônia, que remonta à chegada dos primeiros maristas no Pacífico em 1837. A França anexou a Nova Caledônia em 1853, e os Irmãos foram muito ativos no desenvolvimento de escolas e orfanatos e na catequese desde então. Em 1873, a Nova Caledônia era de fato parte da Província das Ilhas Britânicas, que incluía Inglaterra, Irlanda, Escócia, Cabo da Boa Esperança, Austrália, Nova Zelândia e Oceania.

Muitos Irmãos francófonos trabalharam na Nova Caledônia nos últimos 170 anos, apoiados pelas províncias francesas e ultimamente pela Província de l’Hermitage. A Nova Caledônia agora faz parte da Província da Austrália, que será chamada de Província Estrela do Mar, a partir de 2023.

Atualmente há dois irmãos francófonos que residem em Paita, não muito longe de Noumea, a capital.

Vida Marista, Grupos Missionários, Pastorais e Escolas

A atual comunidade de dois irmãos está em Paita, junto ao Colégio Sainte Marie. Eles estão ativamente engajados com a paróquia e com os leigos maristas em Paita. Os irmãos acolhem estudantes de Vanuatu que estudam na Nova Caledônia e se envolvem como voluntários na catequese da paróquia. De tempos em tempos, os Irmãos estendem a hospitalidade aos grupos leigos maristas, especialmente nos dias de festa e celebrações e eucaristia.

Os irmãos começaram seu ministério em Paita em março de 1875. Eles também abriram uma escola para estudantes indígenas, que acabou se tornando o Colégio Sainte Marie, que conhecemos hoje. Os irmãos também fundaram um segundo colégio, São Marcelino Champagnat, que se tornou um “liceu profissional” ou colégio vocacional. Também em Paita há uma escola primária.

Existem duas escolas maristas em Noumea, a capital da Nova Caledônia, a Escola Primária Sacré Coeur, ao lado da Catedral, localizada em um local muito histórico, e o mais novo Colégio Champagnat, uma escola secundária.

Os maristas estavam em outras partes da Nova Caledônia, incluindo a Ilha de Pins, mas com o passar dos anos as comunidades fecharam e as escolas foram entregues aos moradores.

Atualmente, as cinco escolas de propriedade marista em Paita e Noumea são administradas pela Autoridade de Educação Católica. O atual Arcebispo, Michel-Marie Calvet, é um Sacerdote Marista, como todos os seus predecessores, exceto um, o foram. As Irmãs Missionárias Maristas também têm uma presença significativa em Noumea, com sua sede regional ali localizada.

No próximo ano será celebrado o 150º aniversário do estabelecimento da primeira comunidade e escola dos Irmãos Maristas na Nova Caledônia. As comemorações estão sendo planejadas para setembro de 2023.

_____________

Do Star Messenger Número 1

ANTERIOR

UMBRASIL: Na educação habita a esperança ...

PRÓXIMO

Marista em Cruz del Sur trabalha contra o tr...