3 de maio de 2021 BRASIL

PUC do Rio Grande do Sul promove o voluntariado online

Contribuindo com a cultura da solidariedade em tempos de distanciamento

O Voluntariado Marista é uma das principais iniciativas do Centro de Pastoral e Solidariedade da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS), universidade vinculada a Província Marista Brasil Sul Amazônia. O Centro de Pastoral e Solidariedade atua em diversos projetos com o objetivo de promover a evangelização, zelando pela identidade e pelos valores Maristas na PUCRS.

Desde 2010, o programa de Voluntariado da PUCRS oferece oportunidades para que voluntários atuem em mais de 50 instituições, em áreas como a educação, a cultura, a saúde e a assistência social. Os públicos atendidos são majoritariamente crianças, pessoas com deficiência, idosos e famílias em situação de vulnerabilidade socioeconômica. Independentemente de seu grau de instrução ou de suas habilidades pessoais, o programa está aberto para todos os alunos, professores e colaboradores que tenham disposição em ajudar, caminhar e aprender com o próximo.

O desafio diante da covid-19

A pandemia, no entanto, trouxe grandes desafios para o projeto, uma vez que todas as atividades se davam no modelo presencial, com o deslocamento dos voluntários até as instituições. Foi necessário ressignificar o Voluntariado para que não cessasse sua importante contribuição para a comunidade. A saída encontrada foi propor que as atividades acontecessem virtualmente, com a atuação online dos voluntários. Como a maior parte das instituições não teve estrutura para receber os voluntários nessa condição, buscou-se maneiras de auxiliar por meio de outras iniciativas.

Em 2020, de forma experimental, 24 voluntários atuaram em duas instituições parceiras – Pão dos Pobres e Cesmar –, realizando mais de 500 atendimentos, como reforço escolar, serviços administrativos, feira literária e apoio motivacional. Em 2021, o objetivo é ampliar as vagas para 50 voluntários e firmar parcerias com dez instituições, nas mais variadas frentes de atuação, continuando a construção da cultura da solidariedade.

Tanto as experiências presenciais, quanto as virtuais, podem ser consideradas com um marco e um diferencial para nossos estudantes e colaboradores que aceitam participar desse desafio de contribuir para a cultura da solidariedade, através do Voluntariado educativo.

A grande novidade para 2021 é que, a partir dessas experiências de trabalho e das orientações do Departamento de Colaboração para a Missão Internacional (CMI) do Instituto Marista e, da Província Marista Brasil Sul-Amazônia, iniciamos as tratativas para elaborar um projeto de voluntariado interprovincial para a universidade.

Quer saber sobre o Voluntariado da PUCRS? Acesse https://www.pucrs.br/pastoral/ ou entre em contato conosco pelo e-mail voluntariado@pucrs.br e/ou WhatsApp (51) 98335-0187.


Confira o depoimento da voluntária Talyta Teixeira Thomé, mestranda em Letras na PUCRS, que desenvolveu uma iniciativa de feira literária no Pão dos Pobres:

UMA LEITORA, MUITOS APRENDIZADOS

No início do ano de 2020, após retornar das férias de Santa Catarina para Rio Grande do Sul e retornar também ao voluntariado, o mundo se deparou com algo desafiador, e eu com algo que não estava nos planos: a pandemia pelo Covid-19. Estava começando meu segundo ano do mestrado e iniciando o segundo semestre de voluntariado no Hospital São Lucas. Março de 2020, as aulas pararam e as idas ao voluntariado também. Tudo mudou quando as pessoas do setor de Pastoral da PUCRS pensaram em um projeto de voluntariado on-line. Foi, então, que me encantei pela instituição Pão dos Pobres e pelo seu trabalho com a comunidade, apresentada pelo João. Fizemos nossas reuniões e me apresentaram o projeto “Um livro, muitas histórias”. De início, já me apaixonei e fiquei muito feliz por terem me escolhido para participar. Iniciamos nossos encontros para alinhamento das ideias de como faríamos a construção das nossas oficinas via internet, chegamos a um modelo que queríamos e demos início a “Jornada Literária” com os jovens do Pão dos Pobres. Infelizmente, o período em que ocorreu os fechamentos de conteúdo e as aulas propriamente ditas, eu não consegui participar: estava deixando RS para voltar para SC. Pude, então, participar do processo de criação e de construção de partes das oficinas e isso já havia me deixado muito feliz. Minha alegria e gratidão se tornou completa quando pude ler os textos desses jovens que estão neste livro, são histórias inspiradoras, são relatos emocionantes. Recebi indicação de livro, aprendi novos nomes de coisas técnicas, relembrei sentimentos fortes que guardo dos meus professores lendo eles falarem de seus professores e colaboradores do Pão dos Pobres.

Participar desse projeto foi e é muito importante para mim! Sentir a emoção dos jovens através do texto é motivação! Ler sobre a paixão deles por aprender é me reconhecer e lembrar do motivo pelo qual eu escolhi ser professora! Eu só tenho a agradecer a todos e à essa experiência incrível!”

_____________

Autores: Mateus Eduardo Elsenback e Nathalia Bottaro de Andrade Galski

Assistentes de Pastoral do Centro de Pastoral e Solidariedade da PUCRS

ANTERIOR

Reunião do Conselho e Colégio de Líderes d...

PRÓXIMO

Reunião dos Mestres e Acompanhadores de Novi...