Projeto Fratelli

O Projeto Fratelli foi criado em 2016, no Líbano, pelos Irmãos das Escolas Cristãs e os Irmãos Maristas para responder às necessidades emergentes e urgentes das crianças e jovens mais vulneráveis e em situação de risco (veja a carta dos superiores gerais). Atende principalmente crianças sírias e iraquenas migradas por causa das guerras no Oriente Médio.

Atua em dois centros socioeducativos:

  1. Fratelli Rmeileh, situado no antigo “Collège de Notre Dame de Fátima” de Rmeileh a 30 quilômetros ao sul da capital libanesa, Beirute. As atividades começaram em março de 2016 e, desde então, o projeto atende refugiados sírios com diversos programas (Pré-escolar, Reforço Escolar, Programa Básico de
    Aprendizagem e Grupos Juvenis), destinados às crianças e adolescentes e também desenvolve atividades para jovens e adultos (corte e costura, cozinha, Inglês e informática).
  2. Fratelli Bourj Hammoud. Situado num edifício da “Société de Saint Vincent de Paul” na cidade de Bourj Hammoud, região metropolitana de Beirute. Desenvolve atividades com crianças e jovens refugiados iraquenos e também libaneses, desde dezembro de 2016.

A comunidade permanente do Projeto Fratelli é composta por Irmãos Lassalistas e Maristas, leigas e leigos voluntários que vivem no centro de Rmeileh. É uma Comunidade Intercongregacional, intercultural e internacional. No verão, outros voluntários provenientes de diversos países se somam à Comunidade para acompanhar os programas específicos desse período. Uma equipe bem preparada de educadores libaneses colabora no desenvolvimento do Projeto.